Tipos de Queda de Cabelo

06 agosto 2021 | Queda de cabelo|
Tipos de Queda de Cabelo

São vários os tipos de queda de cabelo que afetam tanto mulheres como homens, jovens, adultos ou até crianças, pelos mais diversos motivos.

Cada um destes tipos de queda de cabelo pode encontrar a sua origem em apenas um fator específico ou, pelo contrário, ser uma combinação das mais variadas causas, desde as condições genéticas ou psicológicas até aos elementos externos, como as alterações climáticas ou as dietas desequilibradas.

Mesmo assim, seja qual for o tipo de queda de cabelo com que se identifica, o mais certo é este ser ou um tipo de queda de cabelo difuso – ou seja, ocasional ou pontual – motivado pelo stress, por exemplo; ou, então, ser um tipo de queda de cabelo crónico, devido à Alopecia.

Mesmo assim, há uma verdade incontornável que deve ter em conta: um estilo de vida saudável, associado à higiene cuidada do cabelo, são dois passos essenciais para evitar a queda do cabelo. 

Quando se aperceber que pode estar a perder mais cabelos do que devia ou seria normal, passa a ser fundamental a marcação de uma consulta médica de avaliação, de modo a melhor entender as razões que podem estar por trás dos tipos de queda de cabelo que podem estar a afetá-lo.

Em seguida, conheça alguns dos principais tipos de queda de cabelo:

 

Alopecia Androgenética

Começamos por um dos tipos de queda de cabelo mais comuns: a Alopecia Androgenética, mais conhecida por calvície androgénica. Este é um dos tipos de queda de cabelo de origem genética, cujo resultado é o enfraquecimento capilar e consequente queda dos cabelos, parcial ou totalmente, ao longo do tempo.

 

Alopecia Areata

A Alopecia Areata deve ser entendida como uma doença autoimune, na medida em que é o próprio sistema imunitário que ataca os folículos capilares, como se de corpos estranhos se tratassem. 

Este é um tipo de queda de cabelo que afeta mulheres e homens, mas que, em todo o caso, se manifesta pela primeira vez, durante a infância.  

Embora a maioria das pessoas afetadas pela Alopecia Areata apenas tenha de lidar com a situação uma vez na vida, uma vez que o cabelo tende a voltar a crescer, alguns estudos apontam para cerca de 20% dos casos nos quais esta queda de cabelo se torna recorrente e, eventualmente, permanente.

 

Eflúvio Telógeno

Este é um tipo de queda de cabelo difusa, ou seja, temporário. É o que acontece quando, um dia, começamos a reparar que estamos a perder mais cabelos do que é normal: estão mais cabelos na almofada, no ralo, na escova, no chão, etc.

O Eflúvio Telógeno é uma condição que pode ser motivada pelos mais diversos fatores que, em última análise, conduzem a um decréscimo do número de folículos capilares e, por isso, a uma diminuição difusa do cabelo. 

Numa grande maioria dos pacientes esta é uma queda de cabelo temporária mas, ao mesmo tempo, contínua, até que a causa seja descoberta e devidamente abordada. 

Saiba mais sobre este tipo de queda de cabelo

 

Alopecia Seborreica

A Alopecia Seborreica é fruto da dermatite ou dermatite seborreica, o termo técnico dado à vulgar “caspa” – a versão mais leve desta dermatite – e um dos tipos de queda de cabelo mais comuns. 

A caspa é uma inflamação do couro cabeludo que provoca comichões, descamações e lesões avermelhadas e a dermatite seborreica é uma doença capilar que pode ter origem em diversos fatores tais como um couro cabeludo oleoso, o stress, alterações hormonais ou do sistema imunitário ou ainda outros fatores ambientais.

Existem alguns tratamentos disponíveis, sendo que, também neste caso, se aconselha a marcação de uma consulta com um especialista, de modo a se encontrar o produto mais adequado à sua situação específica.

 

Alopecia Fúngica

A Alopecia Fúngica é um tipo de queda de cabelo causada por um tipo de fungo chamado “tinea capitis” que, na prática, é responsável por uma erupção cutânea que pode dar origem a comichões ou até criar uma zona com perda de cabelo. O ato de coçar pode, muitas vezes, dar a impressão de que este é um caso leve de Alopecia Seborreica, pelo que, mais uma vez, se aconselha a consulta com um especialista, de modo a melhor perceber a origem para a perda de cabelo, identificando corretamente um dos tipos de queda de cabelo.

 

Alopecia Cicatricial

Este tipo de Alopecia é um tipo de queda de cabelo que ocorre devido a um distúrbio raro que destrói os folículos pilosos, substituindo-os por cicatrizes, ou seja, por tecido cicatricial, que causam a perda permanente de cabelo.

Normalmente, este tipo de queda de cabelo ocorre após uma infeção ou um trauma que tenha tido lugar no couro cabeludo, bem como na sequência de outro tipo de doenças como o lúpus ou a esclerodermia.

 

Alopecia Traumática

Na prática, a Alopecia Traumática é um tipo de queda de cabelo que pode ter origem numa grande variedade de lesões (traumas) causados aos cabelos ou couro cabeludo. Estes podem ser traumas acidentais, tais como uma queda mais gravosa ou um acidente de viação; ou traumas deliberados, fruto de alguns tiques habituais como o contínuo coçar da cabeça ou a tricotilomania, que veremos em seguida.

 

Tricotilomania

A tricotilomania é um transtorno psicológico diagnosticável que se traduz num comportamento obsessivo das pessoas, que sentem uma necessidade incomensurável de arrancar os cabelos.

O seu nome deriva, precisamente, das palavras cabelo (trico) e mania (tilo) e este é um tipo de queda de cabelo cuja origem se encontra numa vontade incontrolável de arrancar os cabelos e outros pelos do corpo, como as sobrancelhas, de forma a controlar a própria ansiedade ou nervosismos.

Nos casos mais graves, estes comportamentos levam a falhas no couro cabeludo e outras zonas corporais, provocando danos irreversíveis, apenas corrigidos através do transplante capilar.
A tricotilomania é um caso muito específico de perda de cabelo, sobre o qual escrevemos mais em detalhe. 

 

Queda de cabelo pelo Stress

O stress é um dos fatores mais conhecidos para a queda de cabelo, na medida em que chega a afetar a forma como alguns nutrientes essenciais são absorvidos pelo corpo. Assim, o stress pode causar, por sua vez, um desequilíbrio nutritivo que afeta o crescimento saudável dos fios de cabelo que enfraquecem e, inevitavelmente, caem.

 

Queda de cabelo repentina

Como vimos, são várias as causas que podem dar origem aos diferentes tipos de queda de cabelo.

No entanto, importa lembrar que é absolutamente comum qualquer pessoa perder cerca de 100 fios de cabelo, por dia. Afinal, os cabelos são também um composto orgânico, com um ciclo de vida: nascem, crescem e caem. 

A questão principal a ter em conta é quando essa queda de cabelo passa a ser repentina. Ou seja, quando os cabelos começam a cair excessivamente de forma continuada, todos os dias.

Nesse caso, poderá estar perante uma das várias razões aqui apresentadas para a perda de cabelo, sendo necessária uma consulta de avaliação para o diagnóstico correto do tipo de queda de cabelo identificado, bem como qual o tratamento mais adequado a seguir.

Partilhe o artigo:

artigos relacionados